Pages





Num relâmpago Te vi
e no rouco trovão Te escutei
vi-Te as cores do Olhar, na densa floresta
a velocidade revelou-me o Teu perfume

o voo da ave me levantou os olhos para Ti
e a chuva suave da Tua lágrima, mergulhou na minha alma
na luz, Te vi
e sorri…

nos olhares admirados, agraciados e puros das crianças
para mim, aí, Te vi eu a Ti, sorrir

afinal Tu estás, e não Te “vi”
no instante que Te pedi

quando Te desejo e não espero
porque Te espero sem desejar
aí estás… És Fiel a, loucamente, amar
Tu, Senhor meu e Rei na minha vida

5 comentários:

Ni disse...

Ele e tu, num mundo que se apresenta a nós na simplicidade, são um só... sorriso!

Lindo!

elsa nyny disse...

mano, Mano!

Que doçura o teu coração pedacinmho de Jesus!!!
Convido-te a celebrar comigo o 1º aniversário do - eu estou aki -
beijinhos!

pe.cl disse...

..."o voo da ave me levantou os olhos para Ti..." Simplesmente maravilhosa esta imagem que retracta a descoberta da unica razão plausivel para o teu amor... um amor que se eleva nos ares qual suave odor de incenso que dedicas ao Senhor da tua vida.

Abraço forte no Pai.

elsa nyny disse...

Mano! Mano!

Obrigado por estares sempre comigo, quando preciso de ti!

beijinhos!

joaquim disse...

«quando Te desejo e não espero
porque Te espero sem desejar
aí estás… És Fiel a, loucamente, amar
Tu, Senhor meu e Rei na minha vida»

Obrigado amigo anawîm!

Abraço forte em Cristo